O que você esta fazendo pela sua empresa?

O que você esta fazendo pela sua empresa?

O que você esta fazendo pela sua empresa?

O que você esta fazendo pela sua empresa?

O que você esta fazendo pela sua empresa?
O que você esta fazendo pela sua empresa?

O que você esta fazendo pela sua empresa?

A crise esta brava? Aonde estão os clientes? Estou apertado, não esta sobrando nem para pagar as contas. E ai? O que estou fazendo pela minha empresa?

Fico aqui sentado olhando para a porta ou esperando meu telefone tocar, esperando aparecer um cliente, sem efetivamente tomar nenhuma atitude para melhorar a minha situação. A resposta então é: Não estou fazendo nada pela minha empresa.

Opa, espera ai. Saio todos os dias de casa para trabalhar e chego no horário. Fico na empresa o dia todo. Você me diz que não estou fazendo nada pela minha empresa?

Digo sim, pare para pensar, se você não tem fluxo de trabalho, mesmo que você esteja super atarefado hoje, vai ter uma hora que isto vai acabar e você vai ficar de braços cruzados esperando o cliente entrar ou o telefone tocar. O maior responsável por sua empresa estar passando por este aperto financeiro é você mesmo, que esta acomodado, esperando o serviço entrar.

Tome atitudes, se lembra de quando começou? Você corria atrás do cliente, tinha um preço bacana, atendia melhor, investia em propaganda, fazia sua empresa aparecer.

Lembre-se de que se você não é visto não é lembrado.

A crise esta ai, mas tem muito cliente que você não atende hoje, que precisa dos seus serviços ou produtos, mude o foco, mude a forma de pensar, mude de atitude, a crise só entra quando a porta esta aberta para ela entrar.

Saia da sua zona de conforto

O segredo de qualquer negócio é inovar, mude o foco, inove, adote estratégias diferenciadas dos seus concorrentes.

Bom vou exemplificar. Você tem uma pequena mercearia que vende o óleo de soja a R$3,69. O óleo de soja não é o seu caro chefe, você procura ter um pouquinho de cada coisa para atender o seu cliente. Hoje você conseguiu um preço melhor na compra do óleo de soja.

Qual vai ser a sua atitude? Oba, beleza, paguei mais barato no óleo de soja hoje. Vou ganhar mais, maravilha.

Ok. Agora vamos pensar qual é a diferença daquela rede de hipermercado que vive arrebentando o seu comércio e você.

Eles conseguiram negociar o mesmo óleo de soja que você com um preço melhor. Agora o que eles vão fazer?

Primeiro, eles vão colocar na mídias de propaganda que eles dispõem que o óleo de soja fulano de tal esta na promoção a tanto. Ai eles vão fazer propaganda em rádio, tv, panfletagem, outdoor na entrada da loja, placas informativas em destaque com o preço, etc.

Percebeu qual a diferença entre quem é grande e você? Os grandes não começaram grande, eles simplesmente aproveitam as oportunidades que surgem de uma forma diferente que você.

Enquanto você esta satisfeito por ter pago mais barato e aumentado a sua margem de lucro, o grande prefere girar a mercadoria e de carona ainda vender mais produtos que eles tem na prateleira. Enquanto o seu óleo vai ficar encalhado por causa da promoção que eles lançaram na mídia.

Agora o que você pode fazer para fazer com que o seu óleo desencalhe?

Simples, mude de atitude. Saia da sua zona de conforto. Primeiro de tudo, coloque na sua cabeça que seus custos são diferentes de uma grande rede varejista, pois você tem uma estrutura reduzida, menos dor de cabeça com fiscalização e impostos e menos custos fixos. Afinal você não tem 100 funcionários, cinco lojas e estes custos destas estruturas.

Analise, da pra colocar o óleo pra ser vendido com uma margem menor? Claro que dá, você pagou mais barato. Então você já deu o primeiro passo. O cliente que vier na sua loja e comprar o seu óleo provavelmente vai comentar com o outro que aquele óleo que você esta vendendo a tanto é o mesmo que o grande varejista esta vendendo a tanto.

De quebra, aquela grande rede varejista ainda esta fazendo propaganda para você de graça. Agora, além de você estar vendendo o seu óleo, você ainda esta vendendo mais alguma coisinha, pois o cliente já esta na sua loja e ele não vai lá no grande varejista que esta vendendo o mesmo óleo que você só para buscar este óleo que acabou de comprar com você.

Beleza. Aumentei minhas vendas e o meu lucro por que o óleo girou rápido e ainda vendi alguma coisa a mais que não esperava.

Agora note que, isto aconteceu, por que efetivamente você teve uma mudança de atitude.

Agora vou te falar que apesar de você ter ficado satisfeito com o lucro e com o giro rápido do óleo você esta longe de se tornar grande, pois ainda continua pensando pequeno.

O que diferencia o pequeno do grande é a atitude. Você o que fez? Abaixou o preço e ficou esperando o cliente ir até você. O grande varejista o que fez? Soltou toda a propaganda possível no meio da rua com o mesmo óleo que você. Ai você diz, e daí, vendi meu óleo todo. Pois é, mas enquanto você estava preocupado em vender algumas caixas, o grande varejista estava vendendo algumas carretas.

Pense, tudo é questão de atitude. Coloque seu preço nos meios de divulgação disponíveis na sua região, contrate um carro de som, faça panfletos, coloque um banner com o preço na porta da sua loja. Divulgue. Os clientes estão ai, o grande varejista vendia mais caro que você, por que deixar que seu cliente vá comprar com ele? Para finalizar, a crise existe quando você quer que ela exista, o dinheiro esta sendo gasto, com certeza em menos quantidade, mas ainda pode cair no seu bolso.

Saia da sua zona de conforto, ou se preferir continue reclamando que esta ruim. Não compre bem para vender bem, não atenda bem, não faça o serviço bem feito e a sua receita de negocio vai ser infalível para você baixar as portas e jogar fora todo o tempo e o trabalho que você investiu. A economia realmente esta ruim, mas isto não é motivo para você parar de acreditar naquilo que faz. Pense nisto…